sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Emater/RS-Ascar e Fapers oficializam reconhecimento de dívida

A Emater/RS-Ascar e a Fundação Assistencial e Previdenciária da Extensão Rural do RS (Fapers) assinaram, na tarde de hoje (7), a Escritura Pública de Re-ratificação de Confissão de Dívida da Ascar para com a Fundação. O acordo prevê a implantação do Plano Geral Saldado, que diminui os riscos à gestão da mesma.


O presidente da Emater/RS, Mário Augusto Ribas do Nascimento, destaca a importância da busca de alternativas de receitas como forma de segurança. Ele observou que a dívida de R$ 58 milhões terá 16 anos para ser quitada e que esse é um investimento correto, em prol da Instituição.

O mestre em economia e consultor atuarial contratado pela Emater/RS-Ascar, Sérgio Rangel Guimarães, salienta que essa oficialização garante benefícios previdenciários aos participantes e assistidos. “A entidade está planejando o presente, pensando no futuro”, comemora.

Também acompanharam o ato de assinatura o diretor administrativo da Emater/RS, Cilon Fialho da Silva, o chefe de Gabinete Luiz Antônio Vial, representando a diretora técnica da Emater/RS, Águeda Marcéi Mezzomo, o diretor superintendente da Fapers, Dirlei Matos de Souza, e o presidente do Conselho Deliberativo da Fundação, Theodoro Tedesco Neto.

Para a Emater/RS-Ascar, a assinatura representa a solidificação de sua política de recursos humanos, a qual busca garantir melhores condições de vida aos seus empregados.


Fonte! Chasque e retrato  publicados no galpão virtual da Emater/RS-Ascar - http://www.emater.tche.br/, no dia 07 de janeiro de 2010.