sábado, 31 de maio de 2014

Procuradoria levará 10 dias para refazer cálculo de lucro dos bancos com planos econômicos

Foto: Porthus Junior / Agencia RBS.
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS.
Procuradoria-Geral da República vai levar 10 dias para refazer cálculos de perda da poupança com planos econômicos. A garantia foi dada pelo procurador Rodrigo Janot em entrevista ao programa Gaúcha Atualidade, da Rádio Gaúcha. O prazo começa a contar a partir da chegada do processo ao Ministério Público Federal.

Janot pediu, nesta semana, nova suspensão do julgamento no Supremo Tribunal Federal, que começou em novembro do ano passado. O motivo alegado para refazer os cálculos é a divergência entre os cálculos feitos pela Procuradoria, que estimou lucro de R$ 440 bilhões para os bancos durante os planos, e os apresentados por Banco Central e Febraban, em torno de R$ 50 bilhões.

- O Ministério Público não quer induzir o STF em erro. – disse Janot.

Se o STF decidir em favor dos poupadores, a Advocacia Geral da União defende que o pagamento seja parcelado. O debate sobre a criação de uma fonte destes recursos para os bancos, principalmente os públicos, teria que passar pelo Congresso.

Não há data para retomada do julgamento.

Fonte! Chasque (psotagem) de Giane Guerra, postado no dia 30 de maio de 2014 no sítio Acerto de Contas. Abra as porteiras clicando em http://wp.clicrbs.com.br/acertodecontas/2014/05/30/procuradoria-levara-10-dias-para-refazer-calculo-de-lucro-dos-bancos-com-planos-economicos/?topo=52,1,1,,171,e171