quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Atitude 16! Sai a galope mais um lote do Imposto de Renda 2010

Bueno! De acordo com o Jornal Correio do Povo de Porto Alegre (RS), edição de hoje:

"A Receita Federal deverá liberar na próxima quarta-feira, às 9h, consulta ao quarto lote de restituições do Imposto de Renda Pessoa Física 2010, ano-base 2009. Para saber se foi incluído no lote, o contribuinte precisa acessar o site www.receita.fazenda.gov.br ou ligar para o Receitafone no número 146.

O órgão já liberou 5,1 milhões de restituições no valor de R$ 5,24 bilhões. Também poderão ser consultados dois lotes liberados da malha fina: de 2009 (ano-base 2008) e de 2008 (ano-base 2007). O dinheiro estará nos bancos dia 16. Se o depósito não for realizado, o interessado pode ir a uma agência do Banco do Brasil. A restituição fica disponível por um ano, mas se não for feito o resgate nesse prazo, o pedido pode ser feito por formulário eletrônico".

Bueno! Se o vivente está com o laço esticado, com o bolso da bombacha sem os cobres (dinheiro), "sobrando mês no fim do dinheiro", esta é uma boa razão para torcer que saia a devolução do Imposto de Renda, que ficou retida pelo leão do Imposto de Renda no exercício de 2009 ou anteriores (malha fina). Agora, se o peão ou a prenda estão levando de rédia curta os seus gastos, levando a cabresto (controlado) o seu orçamento doméstico, se pagando sempre primeiro quando da entrada dos cobres, em especial para quem recebe via folha de pagamento, não tem por que se preocupar, pois, os rendimentos alusivos a esta devolução que o Leão te deve, é a taxa SELIC mais 1% acrecida a esta variação mensal (mais que a poupança).  Assim, a porcentagem da correção será composta pela soma das porcentagens dos meses anteriores ao recebimento, contados a partir de maio, mais 1%.

Mas se mesmo assim, fores brindado com a devolução, faça bom uso dela. Não faça gastos por impulso, só para encher o teu armário ou o teu roupeiro. Quem sabe tu inicias o teu pé de meia para teres um bom lastro financeiro quando a aposentadoria chegar, com um investimento em previdência privada, ou uma aplicação em algum produto que renda mais que a poupança, ou na própria caderneta poupança.

Mas se estiveres numa situação constrangedora, do tipo "estar num rio somente com a cabeça de fora", ou seja, ENDIVIDADO até o pescoço, trate de melhorar a tua saúde financeira anotando todos os teus gastos numa planilha, ou seja, "na ponta do lápis". Elimine os gastos supérfluos, e comece com esta devolução, a renegociar o teu débito com os teus credores e comece a pagar já! Esta é a grande oportunidade para saíres deste "atoleiro"...

Bueno! Se o vivente quiser saber mais sobre a devolução do Imposto de Renda e seu rendimento, basta abrir a porteira do sítio Memes Gestão - http://www.memesgestao.com.br/jportal/portal.jsf?post=24029.

Baita abraço de Valdemar Engroff - o gaúcho taura!