domingo, 17 de janeiro de 2016

Benefícios do INSS acima do mínimo terão reajuste de 11,28%

Documento também estabelece que teto da Previdência para 2016 é de R$ 5.189,82
Os benefícios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) acima do salário mínimo (R$ 880,00) terão um reajuste de 11,28% a partir de 1º de janeiro deste ano, conforme portaria dos ministérios do Trabalho e Previdência Social e da Fazenda publicada nesta segunda-feira (11) no Diário Oficial da União (DOU). O documento também estabelece que o teto da Previdência Social para 2016 é de R$ 5.189,82, superior ao de 2015, fixado em R$ 4.663,75.

A portaria ainda traz tabela com as alíquotas de contribuição dos segurados empregado, empregado doméstico e trabalhador avulso. As alíquotas são de 8% para aqueles que ganham até R$ 1.556,94; de 9% para quem ganha entre R$ 1.556,95 e R$ 2.594,92; e de 11% para os que recebem entre R$ 2.594,93 e R$ 5.189,89.

Valores e regras referentes a outros benefícios como auxílio-doença, auxílio-reclusão, seguros para pescadores e seringueiros e salário-família também constam do documento.

Fonte! Sítio oficial do Jornal do Comércio de Porto Alegre, do dia 11 de janeiro de 2016. Abra as porteiras clicando em  http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2016/01/economia/476512-beneficios-do-inss-acima-do-minimo-terao-reajuste-de-11-28.html

Créditos do Retrato vão para Marcelo G. Ribeiro / JC.