domingo, 18 de março de 2012

Atitude 61! Férias Planejadas é muito melhor! (1)

Bueno! Desde 2008 entrou nosso rancho (residência) o planejamento, o orçamento doméstico e o corte de gastos desnecessários, bem como o banimento das compras por impulso e os parcelamentos em suaves parcelas mensais.... e intermináveis.

Em novembro de 2010 a minha esposa comentou em querer passar (em janeiro ou fevereiro de 2011) uns dias na praia, no litoral gaúcho. Bueno! isso implicava em conseguir uma casa, que nestas alturas do campeonato estavam praticamente todas alugadas para a dita alta temporada, com preços salgadíssimos,  e não aconteceu nenhuma reserva financeira para este fim ao longo do ano..

Argumentei que a gente deveria se preparar para o verão de 2012, guardando um pequeno valor mensal de apenas R$ 100,00 para o aluguel de uma casa, de um casal de amigos da gente, mas, nada de litoral e sim, na beira da Lagoa dos Patos. A reserva da casa foi feita em meados de julho de 2011.

Tenho minhas reservas em relação ao Litoral. Durante o ano, o stress, principalmente o do trânsito, me acompanha todos os dias na lida diária. E no verão, este stress, em especial, o deslocamento de veículos, se desloca para o Litoral, ou seja, o stress muda de lugar....

Bueno! Dia 28 de janeiro (data de aniversário do nossos casamento - 23 anos), chegou o grande dia de irmos pra Arambaré, uma bela e pacata cidade, um verdadeiro paraíso para recobrar as energias, enfim, para aproveitar mesmo uns dias de merecidas férias.

O resultado foi um veraneio planejado, sem stress financeiro (e nem de trânsito), sem compras parceladas, onde o mais pesado em valores foi o aluguel da casa, pois ficamos hospedados por 9 dias. Estávamos entre cinco, logo, um valor irrisório por pessoa, tanto o aluguel da casa, bem como a alimentação e o lazer....

Um pouco de Arambaré! Terra das Figueiras

Com aproximadamente 4,5 mil habitantes (em em torno de 50 mil habitantes nos meses de verão), Arambaré está há uma hora e meia de Porto Alegre, à beira da Laguna dos Patos, pertencendo à Região da Costa Doce.

De grande beleza natural, muitas figueiras e árvores frondosas cujas copas atingem até 50m de diâmetro, que propiciam agradável sombra à beira da Laguna dos Patos, suas areias limpas e águas temperadas convidam a uma permanência maior em suas praias, tendo como resultado a reposição de energias.

Bueno! Para conhecer muito mais sobre o município de Arambaré, basta abrir as porteiras clicando em http://www.http//www.portalarambare.rs.gov.br/portal/.

E este passeio resultou em belos retratos, como segue:

Enfim, finalmente merecidas férias....

O sol, às 10h da manhã, "beijando" a água da Lagoa dos Patos


Simática casinha dos amigos João Dirceu e Inajara...., onde ficamos hospedados

Uma centenária figueira.... no meio da rua.... Só em Arambaré....

Arambaré abriga a considerada a maior figueira do Rio Grande do Sul, com 20 metros de altura e tronco com 12 metros de diâmetro. De ponta a ponta, seus galhos têm 50 metros de extensão. Chamada Figueira da Paz, a árvore centenária é símbolo da cidade e importante atração turística. Alguns historiadores apontam que a Figueira tem 400 anos, outros um pouco mais. Numa coisa todos concordam é a maior e mais velha figueira do estado. Fonte! http://arambare.blogspot.com.br/2011/01/sos-figueira-da-paz.html. Abra as porteiras deste sítio e ajude a salvar a Figueira da Paz (SOS Figueira da Paz)
Esta é a maior figueira do Estado do RS - a Figueira da Paz.
Ela foi escorada, pois, está com problemas... veja a rachadura do tronco
Água limpa. Areia limpa..... e o sol não judia como no litoral....
Até jogo de baralho saiu....


Os juncais tomam conta da beira da lagoa

Gente bonita! Dálcio, Luana, Luiza e Marilene... curtindo o penúltimo dia do passeio
Carol.... grande parceira

Paulinha e Marilene: família

Sobrinho William: família
 Retornamos no nono dia para a nossa cidade, prometendo nos preparar financeiramente ao longo deste ano, para podermos voltar novamente no verão de 2013.... E este preparo financeiro começou neste mês de março, com o começo da reserva mensal em caderneta de poupança.